METODOLOGIA SITUACIONAL ATIVA COMO POSSIBILIDADE DE ENSINO DO FUTSAL NO ENSINO MÉDIO

Solange Beatriz Billig Garces, Gean Padilha Padilha

Resumo


 

Aulas de Educação Física podem ser muito agradáveis quando praticadas coletivamente, através do esporte. Na escola de ensino básico para trabalhar com uma modalidade esportiva o professor de Educação Física deve conhecer diferentes metodologias, e por isso este artigo traz a possibilidade de uma reflexão sobre a metodologia situacional ativa ser desenvolvida nas aulas de Futsal. Acredita-se que o Futsal no ensino médio possa ser um esporte com muitas caraterísticas que contribuem para o desenvolvimento integral do aluno. O Futsal colabora com a conscientização do esquema corporal, equilíbrio, lateralidade, coordenação geral, capacidade física e motora, técnica e tática, além de desenvolver hábitos saudáveis como a sociabilidade, o respeito ao adversário e ao colega, a cooperação, embora também desenvolva habilidades específicas da prática como os princípios operacionais de ataque e defesa.  A metodologia situacional pode ser adequada ao Futsal no processo de ensino e aprendizagem por ser um esporte dinâmico e porque também depende de criatividade e flexibilidade na tomada de decisão. Por isso espera-se que esse artigo de revisão possa contribuir para a percepção dos professores da necessidade de mudança nas metodologias das aulas de Educação Física, especialmente no Ensino Médio.


Palavras-chave


Futsal; Metodologia Situacional; Ensino Médio

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 BIOMOTRIZ

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN Online: 2317-3467
ISSN Impresso: 1679-8074