FATORES DETERMINANTES PARA ANALISAR OS COMPONENTES DA APTIDÃO FÍSICA EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Joaquim Rangel Lucio Penha, Cleide Correia Oliveira, Paulo Felipe Bandeira, Francisca Aparecida Fernandes

Resumo


Revisar de forma integrativa as análises dos componentes da aptidão fisíca de crianças e adolescentes podendo classifica-las em zona saudável ou zona de risco a saúde cardiometabólica e osteomusculare. Trata-se de uma revisão integrativa, a qual foi realizada uma pesquisa nas bases de dados: LILACS via BVS, SCIELO e ADOLEC utilizando-se os seguintes termos indexados no DeCS (Descritores em Ciências da Saúde), juntamente com o operador booleano “AND” e “OR”: Aptidão física AND saúde AND crianças OR adolescentes.Após a análise inicial de leitura do título e resumo dos artigos, foram selecionados 38 estudos. Em seguida, foi realizada uma leitura na integra e excluídos 26 manuscritos por não se adequarem aos critérios de seleção da pesquisa. Ao final 12 artigos constituíram essa revisão.Verificou-se que os estudos são unânimes em apontar a relação dos baixos níveis de aptidão física relacionada a saúde cardiometabólica e osteomuscular, apontando a importância dessas avaliações precocemente como forma de conhecer o perfil dos jovens e em quais níveis eles se encontram.


Palavras-chave


Aptidão Física; Saúde; Crianças; Adolescentes

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 BIOMOTRIZ

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN Online: 2317-3467
ISSN Impresso: 1679-8074