A PROVA COMO INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO

Aline Bottega Kovaleski, Eliane Fiorin Ramos, Marli Dallagnol Frison

Resumo


Por meio do presente estudo, buscamos compreender quais os sentidos que os professores de Ciências e seus alunos dão à prova escrita como instrumento de avaliação da aprendizagem escolar. Para atingir esse objetivo, realizamos a aplicação de um questionário com alunos e professores de Ciências, de cinco escolas de ensino fundamental da rede pública municipal e estadual, da cidade de Ijuí. Podemos perceber que, tanto para professores quanto para os alunos, a prova possui papel apenas classificatório, servindo para aprovar ou reprovar, sendo que os alunos não a identificam como um instrumento eficaz para avaliar a evolução do seu aprendizado. Os resultados obtidos nos levam a uma necessária reflexão sobre as formas de avaliação que vem sido utilizadas no ensino de Ciências e deixam claro que é cada vez mais urgente realizar estudos sobre o assunto, visando colocar em prática maneiras de avaliação que contribuam de forma mais significativa para o aprendizado do aluno.

 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


                

 Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

ISSN: 2316-4034