A IMPORTÂNCIA DA SALVAGUARDA DO PRÉDIO DA ESTAÇÃO FERROVIÁRIA PARA A CIDADE DE CRUZ ALTA/RS

Angélica Kohls Schwanz, Amanda Schirmer de Andrade, Bruna Giacomelli, Clarissa Mantovani, Marina Aimi Pereira

Resumo


O presente trabalho é parte integrante do projeto de pesquisa intitulado “Identificação e delimitação das áreas de interesse cultural do município de Cruz Alta/RS” e tem por objetivo discutir a importância da salvaguarda do Prédio da Estação Férrea de Cruz Alta, como uma ação sustentável, já que a sua manutenção implica na conservação da técnica e da edificação como marco e referência para a memória coletiva do lugar. Implica também, na possibilidade de atribuir ao prédio um novo uso, já que a construção civil se constitui como o setor industrial que consome grande quantidade de recursos naturais. O prédio da estação, assim como a linha férrea, é parte integrante da formação da cidade, assim como do Estado do Rio Grande do Sul. O local atualmente encontra-se em estado precário de conservação, entretanto, seu valor arquitetônico, histórico e de memória ainda persiste. Como método de pesquisa foi elaborada a revisão bibliográfica acerca do tema, e levantamento in loco. Como resultados destaca-se o estado precário de conservação da edificação e da necessidade de ações emergenciais quanto à sua conservação e utilização adequada. A partir dos dados coletados reforça-se a necessidade da conservação dessas estruturas, que contribuem para o desenvolvimento sustentável dos centros urbanos, nos seus aspectos, econômicos, sociais e ambientais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista Gedecon tem fluxo contínuo para recebimento de artigos.

ISSN: 1982-3266