A FAIXA DE FRONTEIRA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL - BRASIL E SUA IMPORTÂNCIA NO MERCOSUL: UMA REVISÃO NARRATIVA DA LITERATURA

Micheli dos Santos, Francisco Angst, Letiane Peccin Ristow, Jorge Adalberto Schommer

Resumo


O artigo pretende explorar as principais etapas históricas da criação do Mercado Comum do Sul, com o objetivo de apresentar o que já se firmou neste processo após 26 anos de sua fundação, considerando que este bloco econômico surgiu da necessidade de fortalecer as relações comerciais entre seus países membros, frente ao crescente processo de mega integrações regionais ao redor do globo. O trabalho explora através de revisão bibliográfica como o Brasil tem desempenhado seu papel perante os países membros e a comunidade internacional. Além disso, dada à dimensão e diversidade do território brasileiro, faz-se uma análise de como os Estados se portam neste processo, abordando a integração da fronteira do Rio Grande do Sul com a Argentina e Uruguai. Como conclusão, evidências empíricas explicitam que o Brasil é o país com maior representatividade dentro do bloco e com potencial para se impor comercialmente perante o mercado internacional.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista Gedecon tem fluxo contínuo para recebimento de artigos.

ISSN: 1982-3266