REAVALIAÇÃO DOS SALÁRIOS MÍNIMOS NO MÉXICO E SEU IMPACTO FINANCEIRO NAS ORGANIZAÇÕES E PRINCIPALMENTE NAS PMES

José G. Vargas-hernández, Rafael Casas-Cardenaz, Rebeca Almanza Gutiérrez

Resumo


O desenvolvimento deste trabalho tem como objetivo enfatizar a desvalorização sofrida pelo salário mínimo geral no México, ressaltando a necessidade de sua reavaliação como resposta à marginalização econômica de setores vulneráveis e regiões com maior defasagem no país, bem como a para deter a deterioração dos padrões de vida dos assalariados, levando em conta as demandas das nações com respeito ao novo Acordo entre os Estados Unidos, México e Canadá (USMCA). No entanto, sua recuperação deve ser planejada através de um processo gradual que permita a adaptação progressiva em relação ao seu impacto econômico. Para isso, foi realizada uma análise qualitativa e quantitativa, descrevendo sua deterioração, a perda de poder aquisitivo, propondo um esquema de restituição em um período de seis anos, para evitar afetar principalmente organizações financeiras e PMEs.

Palavras-chave: Índice nacional de preços ao consumidor, inflação, poder aquisitivo, PME e salário mínimo.


Texto completo:

PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN Online 2318-9150

ISSN Impresso 1982-3266