CONTROLE BIOLÓGICO: USO DE Telenomus remus PARA O CONTROLE DE Spodoptera frugiperda.

Nadiel Augusto Kist, Beatriz Guzzo, Eduarda Corazza, Raquel Lorenzoni Fritsch-Camera

Resumo


Resumo: Na agricultura, para alcançar-se altas produtividades, é inevitável que haja uma boa
sanidade da lavoura. Doenças e insetos-praga, se não controlados, podem reduzir
significativamente a produtividade, ocasionando até 100% em perdas. Diante disso, a
utilização de defensivos agrícolas é uma alternativa para a redução das populações de
insetos-praga na cultura, contudo, seu uso em demasia provocou o desenvolvimento da
resistência em insetos perante determinados inseticidas. Em vista disso, o controle biológico,
juntamente com o químico, surge como uma possibilidade, a fim de solucionar este impasse,
atingindo os objetivos de controle e redução no número de aplicações de agroquímicos. No
presente trabalho, será abordado o controle biológico da Lagarta do Cartucho ( Spodoptera
frugiperda) pela vespa parasitóide de ovos ( Telenomus remus), bem como os fatores de
funcionamento e interferência nesse processo, suas vantagens e obstáculos quanto a
multiplicação do agente de controle.
Palavras-chave: Controle biológico. Parasitismo. Inseto-Praga. Fitossanidade.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Plataforma de Submissão de Trabalhos e Anais de Eventos da Unicruz