DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL E CONDIÇÕES DO USO DE EQUIPAMENTOS DE LAZER DA CIDADE DE IGUATU-CE

Autores

  • Marcos Antonio Araújo Bezerra Centro Universitário Dr. Leão Sampaio
  • Alana Silva Chaves Centro Universitário Vale do Salgado
  • Gabriela Gomes de Oliveira Bezerra Centro Universitário Dr. Leão Sampaio
  • José de Caldas Simões Neto Centro Universitário Dr. Leão Sampaio
  • Cícero Cleber Brito Pereira

DOI:

https://doi.org/10.33053/biomotriz.v14i2.34

Palavras-chave:

Lazer; Políticas públicas; Espaços públicos

Resumo

Os Equipamentos de esporte e lazer são componentes de uma Política Pública, estando em constante mudança para que assim haja um bom funcionamento do desenvolvimento das práticas, nas suas instalações acontecem eventos e atividades de lazer de modo geral. Em uma cidade o lazer pode ser realizado em locais que são construídos e adequados exclusivamente para os moradores se distraírem nas horas vagas, e esses locais são considerados ambientes públicos, ou seja, espaços de uso comum. O objetivo desse estudo foi analisar as condições do uso de equipamentos de lazer da cidade de Iguatu-CE e identificar a distribuição espacial dos mesmos. Serviram como amostra do estudo 54 equipamentos públicos da cidade de Iguatu, tais como: praças, estádios de futebol, academias de saúde, teatros, escola de música, campos de futebol, museu, areninha. A presente pesquisa trata-se de um estudo observacional, descritivo, de amostragem não probabilística intencional, onde os elementos do estudo foram selecionados por conveniência pelo pesquisador munido de um questionário semiestruturado, realizando registros de acordo com as situações assim observadas do equipamento, sendo também feito registros fotográficos dos equipamentos. A análise de dados foi realizada através distribuição de frequências absolutas e percentuais, por meio do software JASP, na sua versão 0.0.9.1. Destaca-se nos resultados a pavimentação em 85,2% dos equipamentos e iluminação em 75,9% dos mesmos. Destaca-se ainda a ausência de locais de descanso em 94,4% e falta de policiamento (87%) e de banheiros (75,9%). Conclui-se que os espaços públicos não se traduzem como possibilidade determinada para a vivência das atividades de lazer para parte da população, seja devido à má conservação, falta limpeza dos equipamentos, falta de manutenção ou por questões de segurança pública, por esses fatores alguns eventos de lazer ficam prejudicados ou até mesmo inibidos desses locais.

 

Downloads

Publicado

2020-07-31

Como Citar

Bezerra, M. A. A., Chaves, A. S. ., Bezerra, G. G. de O. ., Neto, J. de C. S. ., & Pereira, C. C. B. . (2020). DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL E CONDIÇÕES DO USO DE EQUIPAMENTOS DE LAZER DA CIDADE DE IGUATU-CE. BIOMOTRIZ, 14(2), 13-22. https://doi.org/10.33053/biomotriz.v14i2.34

Edição

Seção

Artigos