EFEITOS DOS EXERCÍCIOS AQUÁTICOS NO GANHO DE FORÇA MUSCULAR EM IDOSOS

Autores

  • Daniele de Queiroz Martins Centro Universitário Ateneu
  • Francisco Valter Miranda Silva Centro Universitário Ateneu (UNIATENEU), Fortaleza, Ceará, Brasil
  • Claudiana Batista de Brito Centro Universitário Ateneu (UNIATENEU), Fortaleza, Ceará, Brasil
  • Carlos Victor Silva Costa Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU), Fortaleza, Ceará, Brasil
  • Everaldo Serafim Bezerra Filho Centro Universitário Fametro (UNIFAMETRO), Fortaleza, Ceará, Brasil
  • Paula Pessoa de Brito Nunes Centro Universitário Ateneu (UNIATENEU), Fortaleza, Ceará, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.33053/biomotriz.v15i1.457

Palavras-chave:

Exercícios Aquáticos, Força Muscular, Idoso

Resumo

A perda de massa muscular inerente ao processo de envelhecimento carreta em uma diminuição de força, da estabilidade e equilíbrio, bem como um alto risco de quedas. Dentre as modalidades para a pratica de atividade física indicadas para os idosos, os exercícios aquáticos apresentam inúmeras vantagens como a redução do impacto nas articulações e menor risco de lesão. O objetivo deste trabalho foi realizar uma revisão integrativa de literatura com a finalidade de verificar quais os efeitos dos exercícios aquáticos no ganho de força muscular em idosos. Realizou-se uma revisão integrativa de literatura, com a busca de artigos durante os meses de julho e agosto de 2020, nos portais/bases de dados eletrônicos PubMed, Scientific Electronic Library Online (SciELO) e Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), com o cruzamento de três descritores associados ao operador booleano AND. Foram inclusos nesta revisão estudos do tipo observacional e/ou de intervenção nos idiomas inglês e português, publicados no período de janeiro de 2015 a agosto de 2020. Foram encontrados 69 artigos nas bases de dados, deste total, após a utilização dos critérios de inclusão foram selecionados 21 artigos. Dos 21 artigos após a leitura dos títulos e resumos, a seleção foi finalizada com 9 artigos para serem lidos na íntegra sendo estes inclusos nesta revisão. Verificou-se que os exercícios realizados pelos idosos no meio aquático apresentam efeitos positivos para o ganho de força muscular, além disso contribui para a o aumento da aptidão cardiorrespiratória e manutenção da funcionalidade.

Referências

ALVES, J. E. D. Transição demográfica, transição da estrutura etária e envelhecimento. Revista Portal de Divulgação, v. 40 Ano IV, p. 8–15, 2014.

ANDRADE VEDANA, B. et al. Brazilian Journal of Biomotricity. Brazilian Journal of Biomotricity, v. 5, n. 2, p. 65–79, 2011.

BENTO, P. C. B.; RODACKI, A. L. F. Muscle function in aged women in response to a water-based exercises program and progressive resistance training. Geriatrics and Gerontology International, v. 15, n. 11, p. 1193–1200, 1 nov. 2015.

COSTA, R. R. et al. Water-based aerobic training improves strength parameters and cardiorespiratory outcomes in elderly women. Experimental Gerontology, v. 108, p. 231–239, 15 jul. 2018.

DE MATTOS, F. et al. Effects of aquatic exercise on muscle strength and functional performance of individuals with osteoarthritis: A systematic review Revista Brasileira de Reumatologia Elsevier Editora Ltda, 2016.

OLIVEIRA, D. V. et al. FORÇA MUSCULAR E FUNCIONALIDADE DO JOELHO DE IDOSAS PRATICANTES DE HIDROGINÁSTICA. Cogitare Enfermagem, v. 22, n. 2, 31 maio 2017.

FELCAR, J. M. et al. Effects of exercise training in water and on land in patients with COPD: a randomised clinical trial. Physiotherapy (United Kingdom), v. 104, n. 4, p. 408–416, 1 dez. 2018.

FUCHS, S. C.; PAIM, B. S. Seção de bioestatística revisão sistemática de estudos observacionais com metanálise meta-analysis and systematic review of observational studies. Revista

HCPA, v. 30, n. 3, p. 294–301, 2010.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Projeções da População; Brasil e Unidades da Federação - São Paulo; 2018.

LEÃO, L. A. et al. BENEFÍCIOS DAS ATIVIDADES AQUÁTICAS PARA IDOSOS. Revista de Atenção à Saúde, v. 17, n. 61, 9 dez. 2019.

MATTIOLI, R. Á. et al. Association between handgrip strength and physical activity in hypertensive elderly individuals. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, v. 18, n. 4, p. 881–891, dez. 2015.

PADUA, E. et al. Water versus land-based exercises as physical training programs in elderly. Journal of Sports Medicine and Physical Fitness, v. 58, n. 6, p. 802–809, 1 jun. 2018.

REICHERT, T. et al. Low- and high-volume water-based resistance training induces similar strength and functional capacity improvements in older women: A randomized study. Journal of Physical Activity and Health, v. 15, n. 8, p. 592–599, 1 ago. 2018.

REICHERT, T. et al. Effects of Different Models of Water-Based Resistance Training on Muscular Function of Older Women. Research Quarterly for Exercise and Sport, v. 90, n. 1, p. 46–53, 2 jan. 2019.

RODRIGUES, A. V. et al. Study on the characteristics of pain in patients with spinal cord injury. Acta Fisiátrica, v. 19, n. 3, p. 171–177, 2012.

SAQUETTO, M. B. et al. Water-Based Exercise on Functioning and Quality of Life in Poststroke Persons: A Systematic Review and Meta-AnalysisJournal of Stroke and Cerebrovascular DiseasesW.B. Saunders, , 1 nov. 2019.

SBARDELOTTO, M. L. et al. Improvement in muscular strength and aerobic capacities in elderly people occurs independently of physical training type or exercise model. Clinics, v. 74, 2019.

WADELL, K. et al. High intensity physical group training in water - An effective training modality for patients with COPD. Respiratory Medicine, v. 98, n. 5, p. 428–438, 2004.

WU, W. et al. Effectiveness of water-based liuzijue exercise on respiratory muscle strength and peripheral skeletal muscle function in patients with COPD. International Journal of COPD, v. 13, p. 1713–1726, 25 maio 2018.

Downloads

Publicado

2021-07-26

Como Citar

Queiroz Martins, D. de ., Miranda Silva, F. V. ., Batista de Brito, C. ., Victor Silva Costa, . C. ., Serafim Bezerra Filho , E. ., & Pessoa de Brito Nunes, P. . (2021). EFEITOS DOS EXERCÍCIOS AQUÁTICOS NO GANHO DE FORÇA MUSCULAR EM IDOSOS . BIOMOTRIZ, 15(1), 163-170. https://doi.org/10.33053/biomotriz.v15i1.457

Edição

Seção

Artigos