PATRIMÔNIO ARQUITETÔNICO DE CRUZ ALTA-RS

PRESERVAÇÃO E RESSIGNIFICAÇÃO POR MEIO DA ILUSTRAÇÃO EXPANDIDA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.33053/dialogus.v10i3.708

Palavras-chave:

Arte e Arquitetura, Patrimônio arquitetônico, Ilustração expandida

Resumo

A representação do passado nas cidades, por meio de suas edificações, proporciona uma memória coletiva sobre o patrimônio cultural e reforça o sentimento de comunidade e de pertença a um processo identitário. Os movimentos artísticos e técnicos relativos às edificações, desde suas origens, passando pelas aplicações ao longo do tempo, perpetuam-se por intermédio dos agentes sociais, percorrem a história da sucessão das gerações que habitam aquele espaço-tempo, marcando a ocupação humana da localidade e as práticas socioculturais urbanas desenvolvidas. A cidade de Cruz Alta dispõe de edificações históricas magníficas, muitas das quais se encontram descuidadas e modificadas, seja pela ação humana, pelas consequências naturais de deterioração ou pela falta de interesse na preservação patrimonial por parte da população e do poder público. Corre-se o risco de se ampliar a destruição desse legado cultural e artístico. Faz-se necessário, diante disso, educar e sensibilizar o olhar da sociedade para a riqueza artística e arquitetônica do cenário local. Esta pesquisa selecionou duas edificações históricas da cidade de Cruz Alta com o objetivo de desenvolver um trabalho artístico de ilustração digital das fachadas. Para tanto, primeiramente, foi feito um levantamento bibliográfico acerca dos temas “arte”, “arquitetura”, “patrimônio arquitetônico” e “ilustração”. Posteriormente, foi realizado um levantamento fotográfico das edificações para, a partir delas, iniciar o processo de criação das ilustrações digitais. Compreende-se, para concluir, que a apresentação da arte ilustrativa poderá favorecer a conscientização da população local para a utilidade da preservação do patrimônio cultural do município.

Biografia do Autor

Tiago Anderson Brutti, Universidade de Cruz Alta, Cruz Alta, RS, Brasil

Doutor em Educação nas Ciências pela Unijuí, pós-doutor em Filosofia pela Unioeste e especialista em Artes pela Universidade Federal de Pelotas. 

Jandha Telles Reis Vieira Müller, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS, Brasil

Educadora Física e estudante de Arquitetura e Urbanismo na Unijuí, especialista em Artes pela
Universidade Federal de Pelotas.

Vanessa da Silva Oliveira , Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS, Brasil

Arquiteta, mestra em Práticas Socioculturais e Desenvolvimento Social pela Universidade de Cruz Alta e especialista em Artes pela Universidade Federal de Pelotas.

Roberta Coelho Barros, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS, Brasil

Doutora em Comunicação pela PUCRS, professora da Especialização em Artes da Universidade
Federal de Pelotas.

Publicado

2022-01-29

Como Citar

Brutti, T. A., Müller, J. T. R. V. ., Oliveira , V. da S., & Barros, R. C. (2022). PATRIMÔNIO ARQUITETÔNICO DE CRUZ ALTA-RS: PRESERVAÇÃO E RESSIGNIFICAÇÃO POR MEIO DA ILUSTRAÇÃO EXPANDIDA. DI@LOGUS, 10(3), 63-80. https://doi.org/10.33053/dialogus.v10i3.708

Edição

Seção

Artigos