A PERCEPÇÃO DOS SERVIDORES MUNICIPAIS NA DIVULGAÇÃO DAS INFORMAÇÕES SOBRE A LEI COMPLEMENTAR 101/2000 (LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL) E DA LEI COMPLEMENTAR 131/2009.

Autores

  • Arlete Cherobini Orth UNILASALLE/LUCAS
  • Vera Lúcia Koyama Pereira UNEMAT - Universidade do Estado do Mato Grosso.
  • Caique Alves Rocha Dutra UNEMAT - Universidade do Estado do Mato Grosso.
  • Presline Blum da Silva UNEMAT - Universidade do Estado do Mato Grosso.
  • Jusceliany   Rodrigues Leonel Correa UNEMAT - Universidade do Estado do Mato Grosso.

DOI:

https://doi.org/10.33053/gedecon.v8i2.288

Palavras-chave:

Transparência. Gestão Pública. servidores.

Resumo

A transparência é considerada um instrumento de contribuição para reduzir a corrupção no espaço público e aumentar a democracia entre o Estado e a sociedade. O objetivo principal do artigo é identificar a percepção dos colaboradores responsáveis por gerar e divulgar as informações dos atos dos gestores a respeito da Lei Complementar (LC) 101/2000 e LC 131/2009 que tratam da transparência na gestão pública. Caracteriza-se por uma pesquisa descritiva, com abordagem qualitativa, com a realização de análise documental, e o período temporal é de 2012 a 2015. Foi realizado questionário com vinte e duas perguntas com trinta servidores dos setores de contabilidade, contabilidade da secretaria de saúde, licitação, tributação, recursos humanos e o controlador interno. Após ter sido realizada a coleta dos dados, estes foram representados graficamente com o percentual das respostas e realizou-se análise qualitativa das informações obtidas. De acordo com os dados coletados foi possível identificar a percepção dos entrevistados a respeito da Lei 101/2000 e sobre a LC. Ficou evidenciado que a grande maioria dos entrevistados tem um conhecimento mais aprofundado sobre a Lei 101/2000 e que sobre a Lei Complementar 131/2009 a maioria não tem conhecimento. A pesquisa contribuiu no sentido do aprofundamento das leis expostas e pelo real entendimento da percepção dos colaboradores frente as Leis 101/2000 e 131/2009 e com isso a sugestão de capacitação aos colaboradores.

Biografia do Autor

Vera Lúcia Koyama Pereira, UNEMAT - Universidade do Estado do Mato Grosso.

 

Bacharel em Administração.

Caique Alves Rocha Dutra, UNEMAT - Universidade do Estado do Mato Grosso.

Graduado em Filosofia.

Presline Blum da Silva , UNEMAT - Universidade do Estado do Mato Grosso.

Mestre em Ciências Empresariais

Jusceliany   Rodrigues Leonel Correa, UNEMAT - Universidade do Estado do Mato Grosso.

Mestre em Ciências Contábeis

Referências

ANDRADE, Nilton de Aquino. Contabilidade pública na gestão municipal. – 3. ed. – reimpr. – São Paulo: Atlas, 2010.

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil: promulgada em 05 de outubro de 1988. Disponível em: <http://planalto.gov.br/ccvil_03/Co nstituicao/Constituicao.htm>. Acesso em: 12 abr. 2016.

CGU – CONTROLADORIA GERAL DA UNIÃO. Guia de implantação de Portal da transparencia. Controladoria Geral da União. Secretaria de Prevenção da Corrupção e Informações Estratégicas. - ed. 1. Brasília. 2013. Disponível em: <http://www.leidatransparen cia.cnm.org.br/img/download/guia-implantacao-portal-transparencia.pdf>. Acesso em: 10 maio 2016.

CGU – CONTROLADORIA GERAL DA UNIÃO. Portal da Transparência. 2016. Disponível em: < http://www.portaltransparencia.gov.br > Acesso em: 20 abr. 2016.

CÓDIGO CIVIL. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/L10406co mpilada.htm> Acesso em: 10 maio 2016.

CRUZ, Claúdia Ferreira da.; SILVA, Lino Martins da; SANTOS, Ruthberg dos. Transparência da gestão fiscal: um estudo a partir dos portais eletrônicos dos maiores municípios do estado do Rio de Janeiro. In: II Encontro de Administração da Informação. Recife. Anais. Anpad. 2009. Disponível em: <http://anpad.org.br/diversos/trabal hos/EnADI/enadi_2009/2009_ENADI259.pdf>. Acesso em: 21 abr. 2016.

DUARTE, Vânia Maria do Nascimento. Pesquisas: Exploratória, Descritiva e Explicativa. 2016. Disponível em: http://monografias.brasilescola.uol.com.br/regras-abnt/pesquisas- exploratoria-descritiva-explicativa.htm. Acesso em: 23 maio 2016.

Escola de Administração Fazendária (ESAF). Material de apoio. Disponível em:. Acesso em: 05 maio 2016.

FUHRER, Maximilianus Cláudio Américo. Manual de direito público e privado. Maximilianus Cláudio Américo Fuhrer, Édis Milaré. -15. Ed. Ver. E atual. – São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2005.

GONÇALVES, Antônio Osório. Caderno de Contabilidade Pública Dom Alberto. – Santa Cruz do Sul: Faculdade Dom Alberto, 2010.

IBGE- Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. População de Mato Grosso. 2010. Disponível em: <http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2010/tabelas_pdf/ total_populacao_mato_grosso.pdf>. Acesso em: 04 de set. 2016.

NASCIMENTO, L.P. (2011). A Transparência dos Portais Brasileiros de Transparência Pública: Um Estudo de Três Casos. Dissertação (mestrado) – UFRJ/ COPPE/ Programa de Engenharia de Sistemas e Computação.

NEVES, João Carlos. Contabilidade aplicada a administração pública. Enap. Brasilia. 2003. Disponível em: . Acesso em: 30 abr. 2016

NEVES, José Luís. Pesquisa Qualitativa- Características, Usos e Possibilidades. Caderno de pesquisas em administração, v. 1,nº 3. São Paulo. 1996. Disponível em:

<http://www.unisc.br/portal/upload/com_arquivo/pesquisa_qualitativa_caracteristicas_usos_e

_possibilidades.pdf>. Acesso em: 21 maio 2016.

PISCITELLI, Roberto Bocácio. Contabilidade Pública: uma abordagem da administração financeira pública.-11 ed. Ver., ampliada e atualizada até novembro de 2009- São Paulo: Atlas, 2010.

PLANALTO. Presidência da República. Lei 4.717 de 1965. Casa Civil. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L4717.htm. Acesso em: 22 abr. 2016.

PLANALTO. Presidência da República. Lei 11.257 de 2011. Disponível em:

<http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/lei/l12527.htm>. Acesso em: 04 Set. 2016.

PLANALTO. Presidência da República. Lei nº9755 de 1998. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9755.htm> Acesso em: 26 Ag. 2020.

PLATT NETO, Orion Augusto; CRUZ, Flávio da; VIEIRA, Audí Luiz. Transparência das Conta Públicas: um enfoque no uso da internet como instrumento de publicidade na UFSC. Revista Contemporânea de Contabilidade. Florianópolis, v. 3, n. 5, p. 135-146, jan/jun 2006.

PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO.

Disponível em: <http://www.transparencia.mt.gov.br/index.php/apoio-ao-usuario>. Acesso em: 04 set. 2016.

PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO.

Relatório estatístico. Disponível em: <http://www.dados.mt.gov.br/arquivos/data/public187f 96fc13.php>. Acesso em: 04 set. 2016.

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA MUTUM. Disponível em: <http://www.novamut um.mt.gov.br/>. Acesso em: 10 maio 2016.

RODRIGUES, S.L. Mídia, Informação e Transparência construindo a Cidadania Contra a Corrupção no Maranhão. Trabalho apresentado no Grupo de Trabalho da II Conferência Sul-Americana e VII Conferência Brasileira de Mídia Cidadã. 2011. Disponível em: http://www.unicentro.br/redemc/2011/conteudo/mc_artigos/Midia_Cidada_Lucena_Rodrigue s.pdf. Acesso em: 20 abr. 2016.

SACRAMENTO, Ana Rita Silva; PINHO, José Antônio Gomes. Transparência na administração pública: o que mudou depois da lei de responsabilidade fiscal? Um estudo exploratório em seis municípios da região metropolitana de Salvador. Revista de Contabilidade da UFBA, v. 1, n. 1, p. 48-61, 2007.

SANTOS, Angelucci Rodrigues dos; REIS Jorge Augusto Gonçalves. A Importância da Contabilidade Pública. Disponível em: <http://biblioteca.univap.br/dados/INIC/cd/inic/IC6

%20anais/IC6-61.PDF>. Acesso em: 08 maio 2016.

TESOURO NACIONAL. Receitas Públicas, Manual de Procedimentos. Disponível em:

<http://www3.tesouro.gov.br/legislacao/download/contabilidade/ReceitaInternet2005.pdf>. Acesso em: 10 abr. 2016.

TESOURO NACIONAL. 15 anos da LRF, Instrumentos de Transparência da Gestão Fiscal e Controle Social. Brasília. 2015. Disponível em:<http://www.tesouro.fazenda.gov.br/ documents/10180/318974/CPU_Instrumentos_de_Transparencia_da_Gestao_Fiscal_e_Contro le_Social_STN_versaofinal/21bb9867-a722-4e26-ae90-279c0652d962>. Acesso em: 20 abr. 2016.

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE MATO GROSSO-TCE-MT, 2016. Disponível

em :< http://www.tce.mt.gov.br/>. Acesso em: 21 nov. 2016.

VENTURA, Magda Maria. O Estudo de Caso como Modalidade de Pesquisa. Rio de Janeiro. 2007. Disponível em:<http://unisc.br/portal/upload/com_arquivo/o_estudo_de_caso_ como_modalidade_de_pesquisa.pdf>. Acesso em: 23 maio 2016.

VIANA, Gerardo Valdisio Rodrigues. O método indutivo. Rev. Cient. Fac. Lour. Filho – v.5, n.1, 2007. Disponível em: http://www.flf.edu.br/revista-flf.edu/volume05/v5mono5.pdf. Acesso em: 22 maio 2016.

Downloads

Publicado

2021-06-02

Como Citar

Cherobini Orth, A., Lúcia Koyama Pereira, V. ., Alves Rocha Dutra, C. ., Blum da Silva , P. ., & RodriguesLeonelCorrea,J. . (2021). A PERCEPÇÃO DOS SERVIDORES MUNICIPAIS NA DIVULGAÇÃO DAS INFORMAÇÕES SOBRE A LEI COMPLEMENTAR 101/2000 (LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL) E DA LEI COMPLEMENTAR 131/2009. Revista GEDECON - Gestão E Desenvolvimento Em Contexto, 8(2), 127-142. https://doi.org/10.33053/gedecon.v8i2.288

Edição

Seção

Artigos - Gestão ´Pública