QUALIDADE DE VIDA DURANTE A PANDEMIA DA COVID-19: UM ESTUDO COM ESTUDANTES DO ENSINO MÉDIO INTEGRADO

Autores

  • Gabriela Brum de Deus Universidade Federal de Santa Maria
  • Renato Xavier Coutinho Instituto Federal Farroupilha - Campus São Vicente do Sul

DOI:

https://doi.org/10.33053/revint.v8i1.340

Palavras-chave:

Adolescentes, Qualidade de vida, Dimensões, Covid-19

Resumo

Esse estudo teve como objetivo analisar a qualidade de vida de estudantes do ensino médio integrado (EMI), de um Instituto Federal do Rio Grande do Sul, em meio a Pandemia da Covid-19. Trata-se de uma pesquisa descritiva, de natureza quali-quantitativa, que utilizou como instrumento um questionário online, com perguntas fechadas, referente ao sexo e idade e na sequência 24 perguntas do questionário KINDL, sobre as seis dimensões da qualidade de vida: bem-estar físico, bem-estar emocional, autoestima, família, amigos e escola. Para finalizar, os participantes expressaram algumas considerações sobre o ensino remoto, a Pandemia da Covid-19 e a disciplina de Educação Física. Os dados foram analisados pela análise estatística e a análise de conteúdo. Participaram do estudo 120 escolares de ambos os sexos, do 1º ano 3º ano do EMI, que apresentaram uma qualidade de vida total positiva, totalizando 58,3 pontos. A dimensão família apresentou a melhor média (73,1) e a dimensão autoestima a média mais baixa (45,5). Os estudantes receberam e realizaram as atividades escolares durante o ensino remoto, porém muitas vezes não realizavam dentro do prazo devido à falta de acesso a internet, e passaram a maior parte do tempo em casa. Também realizaram as atividades físicas, os exercícios e os treinos da disciplina de Educação Física e estavam sentindo falta dos amigos e das aulas presenciais. Diante do exposto, conclui-se que a qualidade de vida dos estudantes está satisfatória durante a pandemia, porém é necessária uma maior atenção aos aspectos relacionados à dimensão autoestima.

Biografia do Autor

Gabriela Brum de Deus, Universidade Federal de Santa Maria

Licenciatura em Educação Física. Mestranda do curso de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da vida e Saúde, da Universidade Federal de Santa Maria.  Bolsista CAPES. E-mail: gabrielabruum96@gmai.com.

Renato Xavier Coutinho, Instituto Federal Farroupilha - Campus São Vicente do Sul

Licenciatura em Educação Física. Doutor em Educação em Ciências. Docente no Instituto Federal Farroupilha - Campus São Vicente do Sul; E-mail: renato.coutinho@iffarroupilha.edu.br.

Referências

ARRUDA, E. P. Educação remota emergencial: elementos para políticas públicas na educação brasileira em tempos de Covid-19. EmRede, Porto Alegre, v. 7, n. 1, p. 257-275, 2020.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. 2 ed. São Paulo: Edições 70, 2011.

BRASIL, Ministério da Saúde, Painel de casos de doença pelo coronavírus 2019 (COVID-19) no Brasil, Brasília, DF, 2020.

CASTAMAN, A. S.; RODRIGUES, R. A. Educação a Distância na crise COVID - 19: um relato de experiência. Research, Society and Development, Vargem Grande Paulista, v. 9, n. 6, p. 1-26, 2020.

D’ÁVILA, H. F.; et al. Qualidade de vida relacionada à saúde em adolescentes com excesso de peso, Jornal de Pediatria, Rio de Janeiro, v. 95, n. 4, p. 495-501, 2019.

COUTINHO, R. X.; et al. Prevalência de comportamentos de risco em adolescentes. Cad. Saúde Colet., Rio de Janeiro, v. 21, n. 4, p. 441-449, 2013.

DUTRA, R. R.; COUTINHO, R. X. Comportamentos de risco à saúde: uma análise com estudantes da rede pública de ensino. Semina: Ciências Biológicas e da Saúde, Londrina, v. 41, n. 2, p. 157-164, 2020a.

DUTRA, R. R.; COUTINHO, R. X. Alimentação saudável e atividade física: Uma Proposta Pedagógica Interdisciplinar. Revista Contexto & Educação, Ijuí, v. 35, n. 110, p. 123-141, 2020b.

FIORI, R.; GOI, M. E. J. O Ensino de Química na plataforma digital em tempos de Coronavírus. Revista Thema, Pelotas, v. 18, n. esp., p. 218-242, 2020.

GASPAR, T.; et al. Promoção de qualidade de vida em crianças e adolescentes. Psicologia, saúde & Doenças, Lisboa, v. 9, n. 1, p. 55-71, 2008.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2008.

HEINZMANN FILHO, J. P. Impacto da asma sobre qualidade de vida, sedentarismo e capacidade muscular ventilatória e a influência do sobrepeso/obesidade em crianças e adolescentes. 2014. Tese (Doutorado em Medicina/Pediatria e Saúde da Criança) - Faculdade de Medicina, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2014.

INSTITUTO FEDERAL FARROUPILHA, Diretrizes Pedagógicas para o ensino remoto no IFFar, Santa Maria, RS, 2020.

LIMA JÚNIOR, L. C. Alimentação saudável e exercícios físicos em meio à pandemia da Covid-19, Boletim de Conjuntura (BOCA), Boa Vista, vol. 3, n. 9, p. 33-41, 2020.

LOPES JÚNIOR, P. F. A autoestima e sua influência no espaço escolar, com a atuação dos orientadores educacional e pedagógico. 2010. Monografia (Pós-Graduação em Orientação Educacional e Pedagógica) – Curso de Orientação Educacional, Universidade Candido Mendes, Niterói, 2010.

NAHAS, M. V.; BARROS, M. V. G.; FRANCALACCI, V. O pentáculo do bem-estar: base conceitual para avaliação do estilo de vida de indivíduos ou grupos. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde, Florianópolis, v. 5, n. 2, p. 48-59, 2000.

OLIVEIRA, H. V.; SOUZA, F. S. Do conteúdo programático ao sistema de avaliação:

Reflexões educacionais em tempos de pandemia (Covid-19). Boletim de Conjuntura (BOCA), Boa Vista, v. 2, n. 5, p. 15-24, 2020.

PEDROSA, G. F. S.; DIETZ, K. G. Prática de ensino de arte e Educação Física no contexto da pandemia da covid-19. Boletim de Conjuntura (BOCA), Boa Vista, v. 2, n. 6, p. 103-112, 2020.

PERLIN; DONADEL; COUTINHO, R. X. A saúde humana sob um olhar transdisciplinar, EFDeportes.com, Revista Digital, Buenos Aires, v. 1, n, 195, p. 01, 2014.

RONDANI, C. A.; PEDRO, K. M.; DUARTE, C. S. Pandemia da Covid-19 e o ensino remoto emergencial: mudanças na prática pedagógica. Interfaces Científicas, Aracaju, v.10, n.1, p. 41-57, 2020.

SCANTAMBURLO, E. R. L.; et al. Avaliação de aprendizagem em meio a pandemia do coronavírus no Brasil. Anuário Pesquisa e Extensão Unoesc São Miguel do Oeste, Joaçaba, v. 5, n. 1, p. 1-7, 2020.

TEIXEIRA, I. P.; et al., Adaptação cultural e validação do Questionário KINDL no Brasil para adolescentes entre 12 e 16 anos. Rev Bras Epidemiol, São Paulo, v. 15, n. 4, p. 845-857, 2012.

WERNECK, G. K.; CARVALHO, M. S. Pandemia de Covid-19 no Brasil: crônica de uma crise sanitária anunciada. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 36, n. 5, p. 1-4, 2020.

Downloads

Publicado

2021-02-26

Como Citar

Brum de Deus, G., & Xavier Coutinho, R. (2021). QUALIDADE DE VIDA DURANTE A PANDEMIA DA COVID-19: UM ESTUDO COM ESTUDANTES DO ENSINO MÉDIO INTEGRADO. REVISTA INTERDISCIPLINAR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO, 8(1), 363-373. https://doi.org/10.33053/revint.v8i1.340

Edição

Seção

Mostra de Pós-Graduação - Ciências Biológicas e da Saúde