O USO DE METODOLOGIAS ATIVAS NOS CURSOS DE ARQUITETURA E URBANISMO E FARMÁCIA DA UNICRUZ

Autores

  • Émille Schmidt Gaklik Unicruz
  • Paula Montagner
  • Sirlei de Lourdes Lauxen

DOI:

https://doi.org/10.33053/revint.v8i1.365

Palavras-chave:

Aprendizagem ativa, Educação superior, Mapa Conceitual

Resumo

O presente trabalho objetivou a experimentação de uma metodologia ativa de aprendizagem nos cursos de Arquitetura e Urbanismo e Farmácia da Universidade de Cruz Alta (Unicruz). As metodologias ativas confrontam o ensino tradicional, caracterizado por retenção de informação e memorização. O desafio é que o estudante tenha a visão do todo e a prática seja considerada transdisciplinar. A metodologia selecionada à experimentação constou da Problem-Based Learning (PBL). Nessa metodologia, destaca-se o uso de um contexto real para o aprendizado. Para a experimentação foram usados Mapas Conceituais (MP) com o uso de aplicativos. A aplicação dos MP em sala de aula cresce devido à sua eficácia e aceitação por parte dos alunos. A ideia foi enfatizar conceitos, relações e hierarquias entre eles. Primeiramente, será apresentada a fundamentação teórica e a apresentação do contexto da intervenção, com a descrição e caracterização da Instituição, de cada curso de graduação e cada turma, e os procedimentos metodológicos adotados. Após, será apresentada e discutida a intervenção e considerações finais. Nas duas disciplinas em que a metodologia PBL e a ferramenta MP foram utilizadas, observou-se que ambas auxiliaram os alunos no processo de ensino e aprendizagem, aumentando o seu interesse e envolvimento.

Referências

AUSUBEL, D. Aquisição e retenção do conhecimento: uma perspectiva cognitiva. Lisboa: Editora Plátano, 2003

CURY, A.J. Inteligência multifocal: análise da construção dos pensamentos e da formação de pensadores. 8. ed. São Paulo: Cultrix, 2006.

HAY, David; KINCHIN, Ian; LYGO-BAKER, Simon. Making learning visible: the role of concept mapping in highereducation. Studies in Higher Education, v. 33, n. 3, p. 295-311, 2008.

NOVAK, J. D.; GOWIN, D. B. Aprender a aprender. Lisboa: Plátano Edições Técnicas, 1996.

PRENSKY, M. Digital natives, digital immigrants. On the Horizon, v. 9, n. 5, 2001.

Downloads

Publicado

2021-02-26

Como Citar

Gaklik, Émille S., Montagner, P. ., & de Lourdes Lauxen, S. (2021). O USO DE METODOLOGIAS ATIVAS NOS CURSOS DE ARQUITETURA E URBANISMO E FARMÁCIA DA UNICRUZ. REVISTA INTERDISCIPLINAR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO, 8(1), 390-399. https://doi.org/10.33053/revint.v8i1.365

Edição

Seção

Mostra de Pós-Graduação - Multidisciplinar