ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DA DOENÇA RENAL CRÔNICA

Autores

  • Thais Severo Dutra Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ, Cruz Alta, RS, Brasil
  • Mariana Migliorini Parisi Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ, Cruz Alta, RS, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.33053/revint.v9i1.645

Palavras-chave:

Doença renal crônica, Epidemiologia, Revisão

Resumo

A doença renal crônica é caracterizada pela perda progressiva e irreversível da função renal. Os principais fatores contribuintes para o desenvolvimento da doença são doenças já apresentam altos índices de acometimentos, como; a diabetes mellitus e a hipertensão arterial. Com isso cada vez mais a doença tem se desenvolvido, e chegando a seu estágio final, o qual vem a necessitar de uma terapia renal substitutiva, tendo a hemodiálise como a terapia mais utilizada. No entanto a doença não apresenta cura, e seu tratamento é considerado desgastante, o qual muitas vezes trás diversas consequências na vida dos pacientes. Com isso o presente estudo teve como objetivo realizar uma revisão narrativa sobre os índices epidemiológicos que envolvem a doença, realizando uma busca através dos descritores “chronic kidney disease" "epidemiology", nas plataformas SCIELO, LILASC e PUBMED. No total foram selecionados 12 estudos, pelos quais foi possível mostrar os a prevalência e incidência da doença, os índices de morbidade e mortalidade, bem como as condições das medidas de prevenção promoção da saúde. Considerações finais; A doença renal crônica apresenta altos índices, aumentando a carga global da doença, entretanto medidas de prevenção e promoção à saúde podem ser úteis para a redução desses números, porém ainda se faz necessário que a mesma seja empregada em maior escala, e de forma efetiva.

Referências

AGUIAR, Lilian Kelen de; et al. Fatores associados à doença renal crônica: inquérito epidemiológico da Pesquisa Nacional de Saúde. Revista Brasileira de Epidemiologia, v. 23, 2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. Prevenção clínica de doença cardiovascular, cerebrovascular e renal crônica: protocolo. 2006. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/abcad14.pdf. Acesso em: 17 ago. 2021.

CANHESTRO, Mônica Ribeiro; et al. Conhecimento de pacientes e familiares sobre a doença renal crônica e seu tratamento conservador. Revista Mineira de Enfermagem, v. 14, n. 3, p. 335-344, 2010.

COCKWELL, Paul; FISHER, Lori-Ann. The global burden of chronic kidney disease. The Lancet, v. 395, n. 10225, p. 662-664, 2020.

FERREIRA, Jeysse Karla de Araújo; et al. Knowledge: disease process in patients undergoing hemodialysis. Investigacion y educacion en enfermeria, v. 36, n. 2, 2018.

HERINGER, Tiago Antonio; et al. Conhecimento sobre a doença renal crônica do paciente em hemodiálise. Saúde e Desenvolvimento Humano, v. 9, n. 2, 2021.

LUYCKX, Valerie A.; et al. Reducing major risk factors for chronic kidney disease. Kidney international supplements, v. 7, n. 2, p. 71-87, 2017.

MARINHO, Ana Wanda Guerra Barreto; et al. Prevalência de doença renal crônica em adultos no Brasil: revisão sistemática da literatura. Cadernos Saúde Coletiva, v. 25, n. 3, p. 379-388, 2017.

MARIÑO, Raisa Yolanda; et al. Prevalence of the Hidden Renal Disease in elder people with diabetes mellitus type 2. Revista Médica Electrónica, v. 41, n. 4, p. 850-861, 2019.

MOURA, Elaine Cristina Santa Cruz de; BARBOSA, Jefferson Belarmino Nunes; MARINHO, Patrícia Érika de Melo. Conhecimento sobre prevenção da doença renal crônica em hipertensos e diabéticos: um estudo transversal. Fisioter. mov., Curitiba, v. 30, supl. 1, p. 55-62, 2017.

NEVES, Precil Diego Miranda de Menezes; et al. Censo Brasileiro de Diálise: análise de dados da década 2009-2018. Brazilian Journal of Nephrology, n. AHEAD, 2020.

ROMAGNANI, Paola; et al. Chronic kidney disease. Nature reviews Disease primers, v. 3, n. 1, p. 1-24, 2017.

SILVA, Camila Ribeiro; et al. Dificuldade de acesso a serviços de média complexidade em municípios de pequeno porte: um estudo de caso. Ciência & Saúde Coletiva, v. 22, p. 1109-1120, 2017.

SILVA, Patrícia Aparecida Barbosa; et al. Política pública brasileira na prevenção da doença renal crônica: desafios e perspectivas. Revista de Saúde Pública, v. 54, p. 86, 2020.

SOUZA, Antonio Araujo Menezes; et al. Mortalidade e perfil de vítimas de insufici~encia renal aguda e crônica, no período de 2008 a 2016, no Brasil. In: Congresso Internacional de Enfermagem. 2019. Disponível em: <https://eventos.set.edu.br/cie/article/view/11818>. Acesso em: 02 jan. 2021.

THOMÉ, Fernando Saldanha; et al. Inquérito brasileiro de diálise crônica 2017. Brazilian Journal of Nephrology, v. 41, n. 2, p. 208-214, 2019.

WEBSTER, Angela C.; et al. Chronic kidney disease. The lancet, v. 389, n. 10075, p. 1238-1252, 2017.

Downloads

Publicado

2021-12-16

Como Citar

Severo Dutra, T., & Migliorini Parisi, M. (2021). ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DA DOENÇA RENAL CRÔNICA. REVISTA INTERDISCIPLINAR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO, 9(1), 237-244. https://doi.org/10.33053/revint.v9i1.645

Edição

Seção

Mostra de Iniciação Científica - Ciências Biológicas e da Saúde