MAQUIAVEL COMO FUNDADOR: DA VERDADE EFETIVA DAS COISAS À CRUELDADE

Autores

  • Cristian Sparemberger Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC, Florianópolis, SC, Brasil
  • Jaime José Krul Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ, Cruz Alta, RS, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.33053/revint.v9i1.656

Palavras-chave:

Crueldade, História das ideias, Maquiavel

Resumo

Maquiavel desenvolveu seu pensamento político no contexto do renascimento italiano, no entanto, suas ideias e perspectivas permanecem vivas ainda hoje. Tendo como fundamento o método de Maquiavel, a verdade efetiva das coisas, o presente artigo objetiva realizar uma releitura da ciência política do pensador originário de Florença, debatendo questões como a moralidade, a crueldade e a visão de natureza humana no pensamento maquiaveliano.

Referências

BARROS, Vinícius Soares de Campos. 10 Lições sobre Maquiavel. Petrópolis: Vozes, 2010.

BIGNOTTO, Newton. A antropologia negativa de Maquiavel. Analytica, Rio de Janeiro, v. 12, n. 2, p. 77-100, ago. 2008.

BIGNOTTO, Newton. Introdução aos Discursos sobre a primeira década de Tito Lívio de Nicolau Maquiavel. In: MAQUIAVEL, Nicolau. Discursos sobre a primeira década de Tito Lívio. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

COSTA, Jean Gabriel Castro da. Maquiavel e o trágico. 2010. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010.

COSTA, Jean Gabriel Castro da. Maquiavel, pensador trágico. Lua Nova: Revista de Cultura e Política. v. 107, n. 2 p. 127-168. ago. 2019.

FREITAS JÚNIOR, Antonio de. O pensamento político de Maquiavel. 2007. Disponível em: https://www12.senado.leg.br/ril/edicoes/44/174/ril_v44_n174_p205.pdf. Acesso em: 27 jun. 2021.

MAQUIAVEL, Nicolau. Discursos sobre a primeira década de Tito Lívio. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

MAQUIAVEL, Nicolau. O Príncipe. Petrópolis: Vozes, 2011.

SADEK, Maria Tereza. Nicolau Maquiavel: o cidadão sem fortuna, o intelectual de virtù. In: WEFFORT, Francisco C. (Org.). Os Clássicos da Política 1.13. ed. São Paulo: Ática, 2003.

SKINNER, Quentin. MAQUIAVEL. Porto Alegre: L&PM, 2010.

SKINNER, Quentin. As fundações do pensamento político moderno. São Paulo: Companhia das Letras. 1996.

SILVA, Ricardo. Maquiavel e o conceito de liberdade em três vertentes do novo republicanismo. RBCS, v. 25, n. 72, p. 37-58, 2010.

SPAREMBERGER, Ariosto. SPAREMBERGER, Cristian. Uma "releitura" da ciência política de Nicolau Maquiavel. Revista InterAção, v. 11, n. 1 p. 21-29. 2020.

STRAUSS, Leo. Reflexões sobre Maquiavel. Tradução de Élcio Verçosa. São Paulo: É Realizações, 2015.

Downloads

Publicado

2021-12-16

Como Citar

Sparemberger, C. ., & Krul, J. J. . (2021). MAQUIAVEL COMO FUNDADOR: DA VERDADE EFETIVA DAS COISAS À CRUELDADE . REVISTA INTERDISCIPLINAR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO, 9(1), 340-350. https://doi.org/10.33053/revint.v9i1.656

Edição

Seção

Mostra de Pós-Graduação - Ciências Sociais e Humanidades